Materiais mais ecológicos na indústria dos revestimentos

Os revestimentos têm uma importância crítica para a europeia e o desafio é encontrar materiais menos tóxicos e menos agressivos. O projeto PROCETS procura dar respostas a este desafio com a ajuda do .

As perdas devidas a e desgaste dos materiais nos países desenvolvidos atingem valores que representam 3% a 4% do PIB e são gastos anualmente biliões de euros para controlar estes fenómenos de degradação.

A necessidade de utilização de revestimentos para as mais variadas aplicações faz com que estas tecnologias sejam críticas para a competitividade da europeia. Acontece que duas das técnicas dominantes no setor da de revestimentos – a cromagem dura por eletrodeposição e a projeção térmica – têm associados impactos negativos em termos ambientais e de saú- de devido ao uso de Cr(IV) e de partículas de Co-WC, respetivamente. É, pois, necessário encontrar novos métodos que utilizem materiais menos tóxicos e menos agressivos, mas que tenham um desempenho igual ou melhor.

Os principais objetivos do projeto PROCETS são a produção de revestimentos compósitos por eletrodeposição e projeção térmica com incorporação de nanopartículas. Estes têm melhores características do que os de crómio duro (obtidos por eletrodeposição) e os de WC-Co (obtidos por projeção térmica), que são produzidos atualmente para uma ampla gama de aplicações. Desta forma, é possível usar materiais mais amigos do quando comparados com os atualmente utilizados em s dos setores , , e e ferramentas de corte.

As nanopartículas deverão ser incorporadas nas linhas de produção existentes, após as necessárias modificações, para a utilização dos novos métodos e procedimentos. Estes devem combinar flexibilidade e capacidades de customização, restringir perigos ambientais e de toxicidade e estar disponíveis a custos aceitáveis.

O desenvolvimento das tecnologias e a sua implementação baseia-se numa série de objetivos bem definidos. Tendo em consideração a conformidade com normas, serão otimizados uma série de métodos e propriedades que constituirão a base da próxima gera- ção de revestimentos de , facilitando a mudança para a utilização de materiais mais amigos do e com melhores propriedades.

O investimento no PROCETS vai permitir desenvolver tecnologias de elevado valor acrescentado, tornar a europeia mais competitiva, desenvolver melhores produtos industriais, aumentar o know-how em nanomateriais e, consequentemente, proteger os postos de trabalho europeus no setor dos tratamentos de superfície.

A SEGURANÇA DOS NANOMATERIAIS

O uso de nanomateriais tem vindo a aumentar, tornando-se necessário fazer a avaliação de riscos para a saúde humana e para o resultantes da sua utilização. A informação relativa a aspetos de é ainda escassa, pelo que há necessidade de desenvolver conhecimento relacionado com o efeito adverso potencial através do ciclo de vida dos nanomateriais para garantir a sua utilização segura.

Setores que podem utilizar materiais mais amigos do :

  • Automóvel
  • Aeroespacial
  • Ferramentas de Corte

PROCETS – A ABORDAGEM SAFE-BY-DESIGN

O projeto PROCETS aplica a abordagem “Safe-by-Design” com vista a reduzir os riscos ambientais e de saúde.

O projeto PROCETS – PROtective composite Coatings via Electrodeposition and Thermal Spraying teve início em janeiro de 2016 e tem a duração de 42 meses, sendo financiado pelo programa de e inovação Horizonte 2020 da União Europeia, H2020-NMP-PILOTS-2015, NMP-02- 2015, IA. Trata-se de um projeto de inovação tecnológica onde será aplicada a abordagem “Safe-by-Design”.

A abordagem “Safe-by-Design” baseia-se num conceito que tem vindo a ganhar interesse nos anos mais recentes por ter como objetivo reduzir os riscos ambientais e de saúde na fase inicial de um processo de inovação. A aplicação deste conceito a um projeto de inovação tecnológica permite identificar os potenciais riscos, possibilitanto o desenvolvimento de uma abordagem para gestão e implementação das tecnologias de uma forma mais segura. www.procets.eu

 

ISQ

O é uma entidade privada e independente com 50 anos de actividade, que presta serviços de inspeção, ensaio, formação e consultoria técnica.

Oferecemos aos nossos clientes serviços e soluções integradas e inovadoras garantindo a conformidade dos seus activos e produtos com as normas e regulamentos em termos de qualidade, , e responsabilidade social.
0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixar uma resposta