A Metrologia no apoio à decisão

Através dos laboratórios de calibração e ensaio, a metrologia dá a conhecer os erros e as incertezas de medição dos equipamentos, ao permitir a aceitação ou a rejeição destas medições, torna-se uma ferramenta de apoio à decisão, evitando riscos e acidentes que podem levar as empresas e instituições a incorrer em custos avultados e prejuízos.

A Metrologia, enquanto ciência da medição, desenvolve-se através das vertentes de ensaio e calibração. O objetivo é garantir o rigor, a fiabilidade e a exatidão das medições comumente realizadas na indústria em geral, na saúde, no ambiente, bem como nas mais diversas áreas técnico-científicas.

As medições realizadas pelos equipamentos de monitorização e ensaio, com respeito às grandezas físicas, químicas ou biológicas envolvidas nos processos, devem apresentar-se dentro das tolerâncias ou dos erros máximos admissíveis preconizados em procedimentos, normas e diretivas.

Caso esta condição não se encontre totalmente garantida, o risco de medições erróneas (avaliação da probabilidade e do impacto ou gravidade de uma determinada ameaça) tende a aumentar. Isso potencia, nomeadamente, acidentes de natureza diversa, bem como a prestação de serviços ou o fabrico de produtos não conformes, incorrendo em avultados custos e prejuízos para as empresas e instituições.

A metrologia desempenha, desta forma, através dos laboratórios de calibração e ensaio e, consequentemente, ao nível da produção e dos serviços, um papel fundamental para a sociedade em geral. Faculta aos utilizadores o conhecimento dos erros e das incertezas de medição dos equipamentos utilizados, bem como a quantificação das grandezas de medição convencionadas verdadeiras, permitindo, enquanto ferramenta de apoio à decisão, a respetiva aceitação ou rejeição das medições em causa.

Com efeito, as medições devem ser realizadas com equipamentos calibrados, por comparação com padrões de referência rastreados ao Sistema Internacional de unidades (SI), em conformidade com um plano adequado de calibrações periódicas. O cumprimento destes requisitos reduz o risco de fabrico e comercialização de bens ou produtos não conformes, bem como os demais riscos de natureza física, química ou biológica no âmbito da segurança, saúde e ambiente.

A obrigação do cumprimento destes requisitos é de tal forma essencial, que tem vindo a ser estabelecida internacionalmente nas sucessivas edições da norma ISO 9001, respeitante aos requisitos de gestão da qualidade, encontrando-se atualmente na alínea a) do ponto 7.1.5.2 da norma ISO 9001:2015: o equipamento de medi- ção deve ser calibrado ou verificado, ou ambos, em intervalos especificados ou antes da utilização, face a padrões de medição rastreáveis a padrões de medição internacionais ou nacionais.

No âmbito da sua missão de apoio laboratorial à indústria, aos serviços e às entidades públicas, o ISQ presta desde a sua génese um vasto conjunto de ensaios e calibrações, em particular através da criação de laboratórios como o LABMETRO – Laboratório de Metrologia, o LABEL – Laboratório de Ensaios Elétricos, o LABQUI – Laboratório de Química e Ambiente, o LABET – Laboratório de Ensaios Termodinâmicos, a dBwave.i (especializada em ensaios de ruído e vibrações), a Sondar.i (especializada na monitorização da qualidade do ar), o Labiagro (especializado na determinação de contaminantes), o CNE (especializado em ensaios em embalagens, materiais, produtos de grande consumo e contacto alimentar), entre outros.

 

LABORATÓRIOS

ENSAIOS E CALIBRAÇÕES NO APOIO À INDÚSTRIA

Os serviços do ISQ abrangem áreas como a eletricidade, a química e o ambiente, contando também com laboratórios especializados em ensaios de ruídos e vibrações ou determinação de contaminantes.

» LABMETRO

O LABMETRO é constituído por uma rede acreditada de laboratórios de ensaio e calibração, de acordo com os requisitos da norma internacional ISO/IEC 17025:2005. Com especialização para um vasto âmbito setorial, nomeadamente, nos domínios da metrologia dimensional, elétrica, tempo e frequência, temperatura e humidade, pressão, força e momento, massa, volume e caudal, óptica, acústica, vibrações e radiações, é atualmente o maior e mais abrangente fornecedor de serviços nesta matéria em Portugal. A título exemplificativo, o LABMETRO realiza a calibração dos diversos equipamentos utilizados nos Centros de Inspeção Automóvel, com destaque para os bancos de suspensão e para os frenómetros, comumente utilizados para a determinação da eficiência dos sistemas de suspensão e de travagem dos veículos. Os resultados das medições efetuadas por estes equipamentos, com impacto significativo na aprovação ou reprovação dos veículos aquando das inspeções obrigatórias, são essenciais para a diminuição do risco rodoviário no geral e, em particular, para os ocupantes do veículo, sendo da responsabilidade do LABMETRO garantir a fiabilidade e a exatidão das medições realizadas com esses equipamentos. Nos equipamentos de proteção individual em espaços confinados, o LABMETRO realiza também a calibração regular de analisadores de gases (ex.: oxigénio e monóxido de carbono), permitindo a diminuição do risco de exposição a fatores prejudiciais à saúde das pessoas envolvidas. Esta diminuição do risco deve-se à confiança de medição na monitorização da atmosfera fechada que uma calibração regular confere ao equipamento.

» LABEL

Uma temática transversal a diversas áreas de atividade tem a ver com a segurança de produtos e o cumprimento de requisitos legais a elas associadas, que no espaço da UE na sua grande maioria estão expressos em Diretivas ou Regulamentos.

Nos laboratórios do LABEL são ensaiados e avaliados, do ponto de vista de segurança, diversos tipos de produtos como eletrodomésticos, luminárias, equipamentos de tecnologias de informação, entre outros, recorrendo a normas específicas. Nestes ensaios são avaliados os potenciais perigos decorrentes de uma utilização normal ou anormal, como sejam os relacionados com choque elétrico, temperaturas excessivas, mecânicos, fogo ou radiações.

Desta forma, estas análises vão permitir mitigar as potenciais fontes de perigo, diminuindo os riscos decorrentes da utilização desses produtos. Embora para a maioria dos produtos que utilizamos a fiabilidade e o desempenho não estejam associados diretamente à segurança (por exemplo, se uma varinha mágica se avariar, não causará nenhum dano ao utilizador), existem alguns produtos em que efetivamente estes fatores estão interligados. Um desses tipos de produtos que são ensaiados nos laboratórios do LABEL são os relacionados com a deteção e sinalização de fogo, como sejam as centrais de incêndio, detetores de fumo, botoneiras de alarme, sirenes, entre outros. Nestes casos, uma avaria ou uma diminuição do desempenho de qualquer destes dispositivos pode conduzir a falsos alarmes ou, pior, não despoletar uma situação de alarme havendo um fogo real. Para fazer estas avaliações, há que sujeitar estes produtos a um extenso conjunto de ensaios de natureza elétrica, mecânica, ambiental (temperatura, humidade, dióxido de enxofre) e imunidade eletromagnética. Desta forma, nos laboratórios do LABEL é possível realizar ensaios numa vasta gama de produtos, permitindo que os mesmos sejam utilizados no mercado nas devidas condições de segurança.

» LABQUI

O LABQUI realiza uma grande diversidade de ensaios químicos para verificação e avaliação dos fatores de risco para a saúde e meio ambiente.

A diminuição do risco de utilização dos recursos hídricos para os mais diversos fins, nomeadamente, água para rega, balnear, aquacultura, produção de água para consumo humano assim como contaminação ambiental, é avaliada e controlada através da realização de análises físico-químicas (por exemplo, carência química e bioquímica de oxigénio, metais pesados, hidrocarbonetos derivados do petróleo), que permitem uma intervenção atempada minimizando a exposição aos fatores de risco.

» DBWAVE.I

A atividade do dBwave.i centra-se em torno de dois agentes físicos com forte impacto ambiental: o ruído e as vibrações. No que se refere ao ruído em meio laboral, sabe-se que a exposição a ruído excessivo no local de trabalho resulta em risco de danos na audição, o que pode afetar de forma irreversível os profissionais.

A intervenção do laboratório, neste âmbito, tem como ações principais avaliar esse risco, mediante medições “in situ”, bem como a sua maior ou menor gravidade e colaborar na implementação de programas de redução do risco.

Já no que diz respeito ao ambiente urbano em geral, é reconhecido que o ruído excessivo pode implicar dificuldade em dormir e está diretamente associado ao stresse e, em número de queixas por ano, é o principal risco ambiental no nosso país. Parte da atividade do laboratório centra-se na avaliação da incomodidade sonora associada, prestando apoio na minimização do risco.

Por Pedro Gomes, Responsável de Departamento Metrologia – Física Tecnológica do ISQ e José Medina, Diretor Laboratórios do ISQ

ISQ

ISQ

O ISQ é uma entidade privada e independente com 50 anos de actividade, que presta serviços de inspecção, ensaio, formação e consultoria técnica.

Oferecemos aos nossos clientes serviços e soluções integradas e inovadoras garantindo a conformidade dos seus activos e produtos com as normas e regulamentos em termos de qualidade, segurança, ambiente e responsabilidade social.
ISQ
0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixar uma resposta