Ariane 5 lança mais 2 satélites de telecomunicações

  Estão já em orbita 2 novos satélites lançados com sucesso por um Ariane 5 desde o Centro Espacial Europeu, em Kourou, na Guiana Francesa. Desde 2003 que o Grupo ISQ integra um Agrupamento Industrial de Empresas Europeias chamado ESQS formado, entre outros, pelo ISQ, APAVE,TÜV SUD, GTD, INSA, para prestar serviços de gestão de operações, inspecções técnicas, análises de risco e análise/desenvolvimento de procedimentos para os sistemas de lançamento Ariane 5, Soyuz e Vega. O ISQ tem em permanência na Guiana Francesa um conjunto de técnicos especializados a prestar serviços nas áreas da Qualidade de Operações, Segurança e Ambiente. Para além da actividade desenvolvida no Kourou, os laboratórios que o Grupo dispõe em Portugal têm ao longo destes anos executado vários tipos de ensaios, nomeadamente mecânicos, termodinâmicos e de materiais para a indústria espacial. Estes novos satélites são o ASTRA 5B e o Amazonas 4A que neste momento estão em órbita de transferência e que irão brevemente entrar em operação.    

INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE

INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE

O ISQ é uma entidade privada, independente, com sede em Portugal e que oferece aos seus clientes um vasto conjunto de serviços de Engenharia, Consultoria Técnica, Inspeções Técnicas, Ensaios e Testes e desenvolve também atividades de I&DT e Inovação.

Estes serviços são desenvolvidos pelo ISQ, ou pelas suas empresas participadas, recorrendo a equipas multidisciplinares e apoiadas em mais de 20 laboratórios acreditados. Os serviços são dirigidos aos sectores de Oil & Gas, Energia, Automóvel, Aeroespacial, Indústrias de Processo, Saúde, Transportes, Mobilidade, entre outros.
INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE

Latest posts by INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE (see all)

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.