Bolsa de Investigação – Mestre (BI-M) | Data Analyst

Encontra-se aberto o concurso para atribuição de uma Bolsa de Investigação no âmbito do projeto internacional +Atlantic, “Science and Technology Policy and Innovation Analysis to Maximize the Economic, Environmental and Social Benefits of Deep Sea Exploration and Oil and Gas Development in the South Atlantic Region” (CMUP-ERI/TIC/0045/2014), financiado pelo programa programa “Entrepreneurial Research Initiatives of the Carnegie Mellon Portugal Program“, da Fundação para a Ciência e Tecnologia e financiado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia I.P., na sua componente Orçamento de Estado, nas seguintes condições:

Área Científica:

Engenharia, Engenharia Informática, e Matemática

Requisitos de admissão:

Mestrado nas áreas das Engenharias, Informática, Matemática, Estatística, Física e afins.

Será dada preferência a candidatos com experiência no desenvolvimento e aplicação de algoritmos inteligentes para análise de dados, em casos de estudo com aplicação real.

Igualmente a experiência na colaboração com a Indústria, na área da investigação e transferência de conhecimento e na produção de relatórios técnico-científicos será também apreciada.

Pretende-se que os candidatos demonstrarem conhecimento nas seguintes áreas:

-Desenvolvimento de algoritmos, nomeadamente: regressão, redes neuronais, classificação, anomaly detection;

-Programação nas linguagens:  PYTHON e MYSQL;

-Ferramentas de visualização de dados

Plano de Trabalhos:

Este plano insere-se no âmbito do projeto internacional +Atlantic, “Science and Technology Policy and Innovation Analysis to Maximize the Economic, Environmental and Social Benefits of Deep Sea Exploration and Oil and Gas Development in the South Atlantic Region”.

O candidato terá como principais funções, desenvolver atividades de investigação e desenvolvimento nas áreas de análise de dados para suporte à decisão, previsão, clustering, data mining para apoio a atividades económicas associadas ao espaço Atlântico. Mais especificamente, pretende-se a exploração de dados de observação da terra (satélite e outros) para apoio a atividades/projetos como o Deep Sea Mining.

Legislação e regulamentação aplicável:

Lei Nº. 40/2004, de 18 de agosto, alterada pelo Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e alterado pelo Decreto-Lei nº 233/2012, de 29 de outubro e pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 09 de julho (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica); Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, em vigor (www.fct.pt/apoios/bolsas/docs/RegulamentoBolsasFCT2015.pdf) e Regulamento de Bolsas do Instituto de Soldadura e Qualidade (ISQ).

Local de trabalho:

O trabalho será desenvolvido no Instituto de Soldadura e Qualidade (ISQ) / Oeiras – Taguspark, Av. Prof. Dr. Cavaco Silva, nº 33, 2740-120 Porto Salvo. As atividades serão realizadas funcionalmente na Direção de Investigação & Desenvolvimento e Inovação do ISQ, que desenvolve investigação aplicada em diversos domínios, nomeadamente, sustentabilidade, eficiência de recursos, processos de produção, sistemas inteligentes, entre outros. O trabalho será sob a orientação científica do Doutor João Ribau.

Duração da bolsa e Regime de Atividade:

A bolsa, não renovável, terá a duração de 9 meses, com início previsto em 1 Abril de 2019, em regime de exclusividade.

Valor do subsídio de manutenção mensal:

O montante mensal da bolsa é de 989,70€ conforme a tabela de valores das bolsas atribuídas como consta no Regulamento de Bolsas do Instituto de Soldadura e Qualidade (ISQ). O pagamento será efetuado por transferência bancária.

Métodos de seleção:

Avaliação curricular em que serão ponderados os seguintes fatores:

  1. i) Relevância do curriculum académico (40%);
  2. ii) Experiência anterior relevante na área de atuação prevista no plano de trabalhos do presente concurso (40%).

iii) Outros méritos relevantes (20%);

Caso o júri entenda necessário, os três candidatos melhor classificados de acordo com os critérios anteriores poderão ser convocados para entrevista. Havendo lugar a entrevista, a valorização percentual será de 60% para a avaliação curricular e de 40% para a entrevista.

Composição da Comissão de Seleção:

A Comissão de Seleção é constituída por:

Presidente: Eng. Ricardo Rato

Vogal: Doutora Muriel Iten

Vogal: Doutor João Ribau

Vogal: Doutor João Carvalho

Vogal: Dr.ª Tânia Marques

Forma de publicitação/notificação dos resultados:

Os resultados da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada alfabeticamente afixada em local visível e publico do ISQ, sendo o(s) candidato(s) notificado(s) através de e-mail.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas:

O concurso encontra-se aberto no período de 07-03-2019 a 20-03-2019

As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através email para emprego@isq.pt, com o titulo “BIM/ISQ/+ATLANTIC/01”, acompanhadas dos seguintes documentos:

  1. Carta de motivação,
  2. Certificados comprovativos das habilitações académicas
  3. Curriculum Vitae detalhado
  4. Outros documentos considerados relevantes pelo candidato.

Localidade:

Instituto de Soldadura e Qualidade (ISQ) / Oeiras – Taguspark, Av. Prof. Dr. Cavaco Silva, nº 33, 2740-120 Porto Salvo.

ISQ

ISQ

O ISQ é uma entidade privada, independente, com sede em Portugal e que oferece aos seus clientes um vasto conjunto de serviços de Engenharia, Consultoria Técnica, Inspeções Técnicas, Ensaios e Testes e desenvolve também atividades de I&DT e Inovação.

Estes serviços são desenvolvidos pelo ISQ, ou pelas suas empresas participadas, recorrendo a equipas multidisciplinares e apoiadas em mais de 20 laboratórios acreditados. Os serviços são dirigidos aos sectores de Oil & Gas, Energia, Automóvel, Aeroespacial, Indústrias de Processo, Saúde, Transportes, Mobilidade, entre outros.
ISQ
0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.