ISQ inspecciona gasoduto de Matola

  O ISQ foi escolhido para inspeccionar o primeiro gasoduto construído em Moçambique após a descoberta de grandes reservas de gás natural no país. O ISQ será responsável por inspeccionar a integridade de mais de 3.300 soldaduras ao longo dos cerca de 30 quilómetros do gasoduto. O projecto visa o abastecimento de gás natural à cidade de Maputo e prevê a construção de parte da rede de distribuição dentro da cidade. Para este projecto, cuja conclusão está prevista em Dezembro de 2013, o ISQ instalou em Moçambique um laboratório de Controlo não Destrutivo capacitado para as técnicas de radiografia industrial, ultra-sons, partículas magnéticas e líquidos penetrantes. O ISQ está em Moçambique há cinco anos, com uma empresa local – ISQ Moçambique. A sua presença tem-se traduzido na intervenção em projectos nas áreas de inspecção de redes de transporte de energia e de inspecção de corrosão em estruturas metálicas, tendo também colaborado na construção e no desenvolvimento dos programas de formação da Escola de Soldadura da Hidroeléctrica de Cahora Bassa.    

INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE

INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE

O ISQ é uma entidade privada, independente, com sede em Portugal e que oferece aos seus clientes um vasto conjunto de serviços de Engenharia, Consultoria Técnica, Inspeções Técnicas, Ensaios e Testes e desenvolve também atividades de I&DT e Inovação.

Estes serviços são desenvolvidos pelo ISQ, ou pelas suas empresas participadas, recorrendo a equipas multidisciplinares e apoiadas em mais de 20 laboratórios acreditados. Os serviços são dirigidos aos sectores de Oil & Gas, Energia, Automóvel, Aeroespacial, Indústrias de Processo, Saúde, Transportes, Mobilidade, entre outros.
INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE

Latest posts by INSTITUTO DE SOLDADURA E QUALIDADE (see all)

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer contribuir para a discussão?
Sinta-se a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.