Olhe para o céu. Já está a ver cerca de 1% do PIB português no espaço

Dinheiro Vivo; Renascença