MOSHO – Soluções avançadas para materiais de impacto, reparação de aeroestruturas em compósito e sua monitorização

O projeto MOSHO desenvolverá e integrará soluções avançadas e sustentáveis para a reparação de estruturas aeronáuticas em compósito. O projeto visa o desenvolvimento de novos materiais particularmente resistentes ao impacto e com capacidades de autorregeneração e técnicas de reparação de estruturas compósitas, sua inspeção por técnicas de NDT e sua qualificação, bem como a monitorização da integridade estrutural das referidas reparações através de sistemas integrados e autónomos de SHM.

As soluções de reparação serão mais eco-eficientes, otimizando-se os recursos utilizados (matérias primas, eficiência energética) e implementando-se conceitos de ecoeficiência e eficiência total, e de avaliação do ciclo de vida das reparações.

O projeto validará uma nova abordagem integrada para a reparação avançada de estruturas compósitas, com potencial de vir a revolucionar as operações de reparação e manutenção de aeronaves.

As atividades de I&D do projeto MOSHO estão fortemente alinhadas com a estratégia do CleanSky2, mais especificamente do IDT_Airframe com o qual possuiu diversas sinergias. O projeto MOSHO é um projeto de atividades complementares ao projeto PASSARO – Capabilities for Innovative Structural and functional testing of aerostructures, financiado âmbito de uma call para Core Partner do Clean Sky 2, em parceria com a ADS (Airbus Defence and Space), e do qual os promotores do projeto MOSHO fazem parte integrante. O projecto está também alinhado com a visão de um operador internacional de linha aérea (TAP) que permite enquadrar a futura valorização dos resultados do projeto mais eficiente.

No final do projeto esperam-se obter os seguintes resultados:

  • Demonstrar a nova geração de materiais de elevado desempenho ao impacto, incluindo soluções de materiais autorregenerativos
  • Qualificar as tecnologias de reparação de compósitos desenvolvidas no projecto
  • Qualificar as tecnologias de NDT para reparação de compósitos
  • Obter um sistema autónomo da monitorização da integridade estrutural de compósitos reparados, incluindo soluções de captação de energia, sensorização e comunicações sem fios.
  • Obter ferramentas e abordagens para avaliar de modo integrado a eficiência e ecoeficiência dos processos de reparação estruturas compósitas.
  • Possuir uma nova abordagem integrada para a reparação avançada de estruturas compósitas, com potencial de vir a revolucionar as operações de reparação e manutenção de aeronaves.

 

CÓDIGO DO PROJETO: 033796
Programa: PROGRAMAS MOBILIZADORES
Programa Operacional: Programa Operacional Competitividade e Internacionalização e Lisboa 2020
Objetivo Principal: Reforçar a investigação, o desenvolvimento tecnológico e a inovação
DATA DE INICIO: 01-09-2018 DATA DE CONCLUSÃO: 31-08-2021
CUSTO TOTAL ELEGÍVEL: 1.022.157,84 €
APOIO FINANCEIRO (valor do Financiamento): 735.517,18 €

 

Este projeto recebeu apoio do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização e Lisboa2020


Setor do Projeto: Aeronáutica / Aeroespacial, Centros de Investigação, Comércio e serviços, Transportes e infraestruturas
País: Portugal
Parceiros: INEGI - INSTITUTO DE CIÊNCIA E INOVAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA E ENGENHARIA INDUSTRIAL, TAP - MAINTENANCE AND ENGINEERING, ISQ
Programa EU: Programa Operacional Competitividade e Internacionalização e Lisboa 2020
Coordenação do Projeto: CRITICAL MATERIALS, S.A.
Contacto do Projeto:
Ano de Início: 01-09-2018
Duração: 3 anos
Website: